sexta-feira, 30 de março de 2012

Saudável, gostoso e barato! Episódio VI

Depois de alguns dias de loucura, sumiço e MUITO trabalho, volto com uma super sugestão de prato:


Esse cardápio foi o de ontem e, meio que sem querer, fizemos um dos melhores jantares desde que começamos esse projeto.

O menu do dia foi:
Filé de pescada ao limão e gengibre com creme de espinafre light.

Como a preparação já havia mais ingredientes do que comumente costumo preparar, preferi não inserir carboidratos nessa refeição. Tudo bem fazer esse tipo de substituição de vez em quando, viu?
Claro, que essa troca NÃO serve para as gestantes, gestante precisa SIM de carboidratos, mesmo a noite! Desde que sejam de boa qualidade, claro!

Vamos as receitas:


Tudo começou com o descongelamento e o pré cozimento a vapor do espinafre para diminuir o tempo de preparo. Vale lembrar que toda a refeição ficou pronta antes de 30 minutos!!!!
Super fácil e rápida, mas isso vai depender muito dos seus utensílios!
Eu tenho e SEMPRE RECOMENDO a panela a vapor, pois é um eletrodoméstico daqueles que realmente facilitam a vida e tornam o ato de cozinhar mais prazeroso.

Bem, deixei um maço de espinafre lavado e sem os talos murchar no vapor e o peixe descongelar por 5 a 10 minutos, no máximo.

Depois disso, começaram os preparativos propriamente ditos.

Pescada ao limão com gengibre:
Ingredientes:
Filés de pescada limpos, sem espinho e sem pele
Limão siciliano a gosto (nós usamos 1 inteiro)
1 pedaço pequeno de gengibre ralado (cerca de 1/2 dedo indicador)
Pimenta do reino
Noz moscada
Alho
Azeite
1/4 colher de café de sal (isso mesmo, quase nada, afinal o bom mesmo é sentir o gosto do tempero, não do sal!)

Para grelhar/ dourar:
4 colheres de sopa de farinha de trigo integral
3 colheres de sopa de azeite (para dourar o peixe)

Preparo:
Tempere bem os filés e deixe marinar por 5 a 10 minutos.
Após esse período, passe as duas faces do peixe na farinha de trigo integral.
Leve a frigideira com o óleo ou o azeite e grelhe de cada lado até que doure.

Para grelhar/ dourar o peixe, serão necessários 5 minutos na frigideira em fogo alto/ médio.
2,5 minutos de cada lado, literalmente!
O tempo do preparo foi reduzido, pois, ao descongelar o peixe no vapor, ele deu uma leve cozida por dentro e isso facilitou muito!!!

Creme light de espinafre


1 maço de espinafre bem lavado e sem os talos (reserve somente as folhas)
2 xícaras de leite desnatado
2 colheres de sopa cheias de creme de ricota light
2 colheres de sopa de queijo ralado light
1/2 cebola roxa
2 colheres de sobremesa de alho picado
Sal (1 micro pitada)
Pimenta do reino a gosto
1 colher de sopa rasa de farinha de trigo integral ou farelo de aveia
2 colheres de sopa de azeite (eu não uso e não recomendo NUINCA o uso de manteiga para cozinhar, ok?)

Modo de preparo:
Como disse anteriormente, o espinafre foi levado ao cozimento a vapor para que murchasse. Após esse processo, pique grosseiramente o espinafre pré cozido e reserve.
Leve o azeite a panela, deixe esquentar e acrescente o alho e posteriormente a cebola.
Faça um refogado e acrescente o espinafre.
Tampe a panela até que as folhas murchem mais um pouco.

Em um recipiente, misture o leite e o creme de ricota. Bata com um batedor até que o creme dissolva dentro do leite.
Após esse processo, acrescente lentamente a farinha de trigo integral e continua batendo para não empelotar.

Acrescente essa mistura ao refogado de espinafre que está an panela, adicione o queijo ralado, sal e a pimenta e mexa de vez em quando até que a essa mistura adquira uma consistência cremosa.

Eu gosto bem espesso, por isso deixo ficar no fogo até que comece a "grudar"no fundo da panela.

Desligue e sirva a seguir com o peixe.

O enfeite é um fio de redução aceto balsâmico em zigue zague (encontra-se facilmente no Pão de Açucar, por exemplo).

Espero que façam e gostem também!
O nosso ficou uma delícia!!!!!

Eu recomendo...

Um beijo a todos e bom final de semana, 
Débora Rosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Newsletters

Facebook

Twitter

Instagram