sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

A louca da comida tailandesa


                              A louca da comida tailandesa
Curry thai - prato típico tailandês
Não sei se conseguiria um título melhor para essa postagem, é provável que sim, mas achei que esse definiria bem a minha paixão pela comida tailandesa.


Descobri a culinária tailandesa há uns 5 anos ou mais, não lembro exatamente, só sei que depois de conhecê-la meu paladar nunca mais foi o mesmo.

Como disse John Torode, Chef e apresentador do Masterchef, meu programa de TV preferido, em um episódio gravado na Tailandia: "The colour, the smell, the flavour, everything is assaulting my brain. This for me is the most addictive food in the world." Concordo 100%!!!



Tudo começou em uma de nossas viagens. É MUITO grande o número de restaurantes tailandeses pela Europa. Inclusive, depois de nossa última passagem pela Holanda, começamos a achar que comida tipicamente holandesa é a comida tailandesa. Isso porque há mais de 50 restaurantes tailandeses em Amsterdam. Londres possui algo em torno de 350, já em São Paulo temos menos de 5. E, para a minha tristeza, todos são caros e nenhum deles é muito bom. 

Essa paixão ficou ainda maior depois de conhecer o empório especializado em culinária asiática, localizado no bairro da Liberdade, aqui em São Paulo, quando enchemos o armário de ingredientes importantes para o preparo dos pratos, como molho de peixe, molho de ostra, galangal (um tipo de gengibre seco), pasta para curry, arroz de jasmim, macarrão de arroz e etc. 

Ao longo dessa busca pelos restaurantes tailandeses em nossas andanças pelo mundo, tenho aprendido que culinária thai é muito mais que receitas engessadas, dessas que a gente faz seguindo um passo a passo. Além de paladar aguçado e conhecimento básico dos ingredientes, a culinária Thai requer um toque de ousadia e criatividade. 

Os pratos são reconhecidos pela riqueza de sabores e ingredientes: doce (açúcar, frutos, pimentas doces); apimentado (pimentas); amargo (vinagre, limão, tamarindo); e salgado (molho de soja, molho de peixe, molho de ostra). Algumas vezes todos juntos. Infinitas combinações são possíveis e nada melhor que testar para saber se eles combinam ou não. Na maioria das vezes dá certo, mas, se algo não sair como planejado, é só acrescentar um monte de coentro fresco e tudo ficará bem! 




A culinária thai ( assim como a vietnamita, chinesa, japonesa, indiana e outras) é composta basicamente de ingredientes naturais e frescos que, na maioria dos casos, são servidas como pratos únicos e ou combinados com outro prato de sabor mais suave ou adocicado. Esse é o caso dos curries servidos com arroz de jasmim cozido em água ou em leite de coco, por exemplo. Os pratos únicos levam diferentes nomes dependendo da origem, mas, geralmente, são a base de arroz ou macarrão (cozido ou frito), legumes e verduras, alguma proteína (porco, carne bovina, frango, ovo, peixe, tofu, camarão, caranguejo e etc) e diferentes tipos de especiarias (cardamomo, pimenta, páprica, cominho, açafrão e etc), ervas frescas (coentro, hortelã, dill, tomilho e etc) e, para finalizar, suco e raspas de limão.

Como eu e meu amado Erico adoramos cozinhar e aproveitamos esse tempo para ficar mais tempo juntos durante a semana, temos tentado criar alguns pratos com o que temos em casa. Totalmente no improviso! Às vezes planejamos algo, separamos um camarão que ganhamos do meu pai, outras vezes simplesmente abrimos a geladeira e definimos o prato com o que tivermos no dia. 

Essa semana preparamos uma pescada, também presente do meu pai, e fizemos com leite de coco, curry, limão, molho de peixe (namplá)  e cebolinha. Para acompanhar, preparamos um purê de abóbora com curry e gengibre. Ficou animal, como diria minha mãe! E como eu mesma diria. Animal! Delicioso... uma explosão de sabor e perfume... Ficamos empolgadíssimos com o resultado.

Vou postar (mais ou menos) a receita aqui, mas que fique essa mensagem: culinária (thai, japonesa, italiana, francesa e etc) é treino e durante os treinos acontecem muitos erros e acertos. O importante é não desistir! Mesmo sem nunca ter ido a um restaurante tailandês, você pode fazer uma busca pelo google, entender as principais características dos pratos e, a partir disso, começar a praticar. E praticar muito...


Pescada thai com purê de abóbora e gengibre:

Ingredientes para o peixe:
4 filés de pescada fresca
2 colheres de sopa de leite de coco thai (ou nacional)
1/2 copo de leite desnatado para diluir o leite de coco thai (ele é mais espesso e vale a pena diluir para não acrescentar muito)
Suco de limão siciliano e raspas dele
2 colheres de sopa de namplá
4 dentes de alho picados
Pimenta do reino
Cebolinha e coentro
Azeite

Não é necessário acrescentar sal. O namplá faz o papel de sal na comida tailandesa, assim como o molho shoyo na japonesa. 

Modo de preparo:

Colocar em uma frigideira grande o azeite, os alhos, e deixar esquentar levemente.
Acrescente o peixe e coloque o leite de coco diluido. Acrescente o namplá e o suco de limão.
Deixe o peixe cozinhar durante uns 4 ou 5 minutos. Desligue o fogo. Acrescente as raspas de limão e as ervas frescas que desejar. Finalize com pimenta do reino moída na hora, de preferência.

Ingredientes para o purê:

300 g de abóbora cozida e amassada
Gengibre
Curry
Pimenta do reino
Canela em pó
1 pitada de sal
1/3 copo americano de leite 
1 colher de sopa de azeite

Preparo:

Levar a abóbora cozida e amassada a panela e acrescentar azeite e o leite.
Mexa bem até que todos os ingredientes sejam incorporados ao purê.
Acrescente o sal, a canela, o curry e o gengibre ralado.  O quanto desejar. O prato é seu e ele deve ficar do jeito que você gosta.
Acrescente a pimenta do reino moída na hora e sirva a seguir.

Abaixo, alguns pratos que eu amo e que são ótimas bases para começar a se aventurar na cozinha... ;)



Pad Thai- macarrão de arroz com legumes, broto de feijão, castanhas e alguma fonte de proteína
Um dos meus pratos preferidos!!! Já fizemos em casa e deu super certo! :)
Tom Kha Gai - 
sopa a base de leite de coco, cogumelos frescos, camarão ou frango e coentro
Khao pad - arroz frito com namplá, legumes e verduras, limão e alguma fonte de proteína.
Arroz de jasmim para acompanhar curries e outros pratos a base de legumes e carnes.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Newsletters

Facebook

Twitter

Instagram